Declaração do WWF em resposta à China adiando novo regulamento sobre o comércio interno de osso de tigre e chifre de rinoceronte | WWF Mozambique

Declaração do WWF em resposta à China adiando novo regulamento sobre o comércio interno de osso de tigre e chifre de rinoceronte

Posted on
13 November 2018
Comentando a notícia sobre a China ter adiado a implementação da nova legislaçãoção que permitiria o uso de ossos de tigre e chifre de rinocerontes pelos hospitais, e o comércio doméstico de tigres e rinocerontes antigos, Margaret Kinnaird, WWF Wildlife Practice líder disse:

“O WWF saúda a notícia que dá conta que a China adiou o levantamento de sua proibição ao comércio interno de chifre de rinoceronte e osso de tigre, sinalizando uma resposta positiva à reacção internacional. Permitir o comércio de animais, mesmo em cativeiro, poderia ter impactos devastadores sobre as populações de rinocerontes e tigres selvagens. Esta medida ajuda a manter o papel de liderança que a China assumiu ao lidar com o comércio ilegal de animais selvagens e reduzir a demanda do mercado.

“Com populações de tigres e rinocerontes selvagens em níveis tão baixos e enfrentando inúmeras ameaças, deve-se ter cautela extra ao considerar o relaxamento de qualquer proibição do comércio de partes de tigres e rinocerontes.

“O WWF apreciou por muito tempo a proibição do comércio de ossos de tigres e chifres de rinoceronte, de 1993, pelo governo chinês, e reconhece que a proibição de 1993 foi crucial para ajudar a proteger essas espécies icônicas.

"É importante enviar uma mensagem forte de que o valor das populações selvagens de tigres e rinocerontes e seus ecossistemas é muito maior do que o valor de suas partes e chifres."

Durante a Cúpula do Fórum de Cooperação China-África (FOCAC) realizada na China em setembro de 2018, a China e os países africanos emitiram o Plano de Acção de Pequim, prometendo “lutar conjuntamente contra o contrabando de espécies ameaçadas e seus produtos. Cumprir esses compromissos ajudará a impulsionar internacionalmente a imagem da China, fortalecer a colaboração com os países de rinoceronte e tigres na África e na Ásia, no contexto da 'Iniciativa Belt & Road' da China.

Comments

blog comments powered by Disqus